quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Mostra Fryderyk Chopin, o Poeta do Piano no Cinema





A Organização Neo  Humanitarismo Universalista realiza em parceria com a Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto de Santos, no litoral de São Paulo, a  mostra de cinema de arte denominada “Mostra Fryderyk  Chopin, O Poeta Do Piano No Cinema” voltada para a difusão da vida e da obra do notável compositor e pianista Fryderyk  Chopin através de filmes raros, verdadeiras obras de arte.

Filmes Selecionados:

 “Chopin em Paris” de 1969, são 15 minutos em p & b sob a direção de Stanislaw Grabowski, suficientes para assistirmos o encontro mágico da música clássica com a literatura e a pintura na cidade de Paris, no século XIX; “pelo diário de Delacroix,  sabemos que George Sand, Chopin e Delacroix  se encontraram no Palais du Luxembourg.” A pianista Regina Smendzianka  nos encanta com a apresentação das composições de Chopin.  

Na sequência, vamos assistir  “Estudos  das Cores na Música de Chopin” de 1944, são 11 minutos de emoção através de  uma viagem no tempo conduzida pelo diretor Eugeniusz Cenkalski.  O pianista W. Malcuzynski nos apresenta três composições de Chopin.

 “O Passaporte Polonês de Chopin” de 2011, um filme sobre a vida e a obra de Chopin sob o olhar  dos jovens pianistas do estado de São Paulo  e de grandes celebridades da música clássica: Nelson Freire,   Adam Makowicz e Zbigniew Raubo. Direção: Grzegorz Mielec. Roteiro e Produção: Jam Pawlak.   

Comentários do produtor musical Fábio Luiz Salgado e da produtora audiovisual Jam Pawlak. 

Serviço:

Mostra Fryderyk Chopin, o Poeta do Piano no Cinema

Cine Calixto  - 19 de dezembro de 2012 às 19:00 horas

Fundação Pinacoteca Benedicto Calixto

Av. Bartolomeu de Gusmão, 15 – Boqueirão – Santos – SP

Programação livre e gratuita

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

O Passaporte Polonês de Chopin

 
Em uma época em que a Polônia foi aniquilada e perdeu a sua soberania por mais de 100 anos, o genial pianista-imigrante Frédéric Chopin, viajou pelo mundo com o mais autêntico Passaporte Polonês de todos os tempos: a sua M ú s i c a!

 
Na abordagem do filme "O Passaporte Polonês de Chopin", o olhar do Protagonismo Juvenil: uma estratégia de educação para a cidadania que considera os jovens como atores sociais que tem direitos, independentes das condições ou situações que vivem. Jovens admirados pelo que são, sentem, sonham e conquistam com o brilho da juventude.

 
Um filme que compartilhou a cultura polonesa e a cultura musical com o Brasil e o mundo nos últimos dois anos de exibições independentes.

 
Frédéric Chopin nasceu na aldeia de Zelazowa Wola, Ducado de Varsóvia, na Polônia, em 1810; mas a sua história de coragem e determinação contínua encantando a juventude do século XXI.  

 
A jovem pianista Thamires Marques Silvério, personagem do filme, interpreta Chopin. 

 
O jovem pianista Marcos Vinicius de Sousa no Concerto de Homenagem à Chopin.

 
O diretor polonês Grzegorz Mielec que trabalhou com muita criatividade na direção do filme. 

 
O professor e pianista Carlos Eduardo Zappili Albertini, grande colaborador do filme.

 
Livro do professor Carlos Eduardo Zappili Albertini sobre Chopin, fonte de pesquisa.

 
A participação especial do renomado pianista Nelson Freire, "uma verdadeira fonte de inspiração para os jovens talentos do Brasil."
 
A Organização Neo Humanitarismo Universalista lançou o filme "O Passaporte Polonês de Chopin" com o objetivo de compartilhar a genialidade e o legado de Frédéric Chopin com a juventude do Brasil. Objetivo plenamente realizado. 

Rota do Sol em Crônicas e Fotografias

 
A Diretoria da Organização Neo Humanitarismo Universalista, prestigiou na última terça-feira, 11/12/12, o lançamento do livro "Rota do Sol", da repórter e escritora Rosana Valle, na Livraria Martins Fontes de Santos, no litoral de São Paulo.
 
A obra literária é altamente recomendável: crônicas profundamente humanas, fotografias com uma sensibilidade poética de um mundo verdadeiramente sustentável.
 
"Rota do Sol" é o registro de uma jornada repleta de emoções.